PALESTRANTES

Augusto Nunes

Augusto Nunes da Silva – Jornalista, escritor e comentarista brasileiro. Atualmente é colunista da Revista VEJA, colunista da Record TV no Jornal da Record, trabalha também na rádio Jovem Pan, sendo comentarista do Jornal da Manhã e do programa Os Pingos nos Is.

Palestra “Como posicionar seu negócio no Brasil de Bolsonaro e no mundo de Trump” 26/05 – 11h


Antônio Carlos de Souza Lima Neto

Especialização em Formação de Lideranças – Fundação Dom Cabral, conclusão em 2018.
Pós-graduado em Gestão do Agronegócio – REHAGRO, Goiânia, conclusão em 2012.
Pós-graduado em Gestão de Negócios – MBA Executivo. IBMEC, Belo Horizonte, conclusão em 2009.
Graduado em Engenharia Agronômica. Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, conclusão em 2005.
Ensino Fundamental. Mackenzie, São Paulo, conclusão em 1998.
Fev de 2019 – até o momento
Cargo: Secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Goiás
Principais atividades: Planejar, coordenar e executar a política agropecuária do estado, juntamente com as entidades jurisdicionadas a pasta (EMATER, AGRODEFESA, CEASA). Assume a responsabilidade na gestão das políticas públicas de estímulo à agropecuária, no fomento do agronegócio e na regulação e normatização de serviços vinculados ao setor.

Painel: “Políticas públicas estaduais para a aquicultura” 26/05 – 14h às 16h30


Ricardo José Senna

Ricardo José Senna Secretário Adjunto da SEMAGRO/MSEconomista formado pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, possui MBA em Gestão Empresarial Estratégica em Agribusiness pela Fundação Getúlio Vargas, mestrado em Economia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e doutorado em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

É professor colaborador dos cursos de graduação em Ciência Econômicas e Administração da UFMS, professor local da pós-graduação da Fundação Getúlio Vargas. Foi professor e coordenador de curso na Faculdade SENAI Campo Grande e ex-professor de economia na UNAES, UCDB. Atuou como consultor de planejamento e estratégia na implantação dos Consórcios Intermunicipais de Segurança Alimentar; na elaboração dos Planos de Desenvolvimento Integrado do Turismo Sustentável para as regiões de Campo Grande e Bonito-Serra da Bodoquena; na elaboração dos estudos socioeconômicos do Zoneamento Ecológico-Econômico do Estado de Mato Grosso do Sul e, em diversos projetos de planejamento municipal e regional.
Foi presidente do Conselho Regional de Economia e conselheiro do Conselho Federal de Economia. Tem atuado nas áreas de planejamento, gestão estratégica, desenvolvimento regional e territorial e políticas públicas de educação.


Painel: “Políticas públicas estaduais para a aquicultura”
26/05 – 14h às 16h30


Dr. Paulo Raffi

Paulo Raffi nasceu Pelotas, no Rio Grande do Sul, Brasil.
Ele obteve seu diploma de veterinário na Universidade Federal de Pelotas em 1992.
Especialista em Política Estratégica na Escola Superior de Guerra do Brasil, 1993
Especialista em Desenvolvimento Gerencial pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná em 1994 e especialista em Qualidade e Produtividade em 1997 na Universidade Federal de Santa Catarina. Obteve o Bacharel em Administração em 1999 na Universidade Estadual do Oeste do Paraná.
Trabalhou com gestão, sanidade animal e controle de qualidade na empresa Sadia SA de 1992 a 2001

Palestra “Aquicultura saudável, o desafio da produção intensiva” 26/05 – 16h30


Dr. Fábio Rosa Sussel

Fábio Rosa Sussel é Zootecnista formado pela Universidade Estadual de Maringá
Possui mestrado em nutrição de peixes pela Unesp de Botucatu
E doutorado, também em nutrição de peixes, pela USP de Pirassununga
Ganhador do Prêmio de Inovação Tecnológica, na categoria Academia, organizado pela AquiShow Brasil em 2019.
Detentor da Patente da Máquina de Eviscerar Lambari
Pesquisador Científico em Aquicultura
Idealizador e primeiro apresentador do programa AquaNegócios da Fish TV
Apresentador do programa #VaiAqua, no Youtube.

Palestra “Lambari: pequeno no tamanho e gigante no potencial” 27/05 – 10h


Professor Dr. Marcos Santos

Doutor em Oceanografia Biológica pela FURG, RS- BRASIL
Marcos foi professor e pesquisador do Departamento de Ciências Fisiológicas do Departamento de Oceanografia da FURG, desenvolvendo estudos sobre fisiologia de crustáceos, microalgas, camarão e cultura de peixes marinhos
Nos últimos 16 anos, trabalhou na INVE Aquaculture, uma empresa de nutrição avançada do Benchmark PLC Group.
Nos últimos 6 anos, a fazenda Senior Expert Global combinou tarefas no Brasil, tanto nas Américas quanto na Global, concentrando-se em produtos de saúde para camarões e peixes, identificando necessidades e oportunidades para novos produtos de saúde em fazendas de camarões marinhos e fábricas de ração. bem na coordenação de projetos de aquicultura com institutos de pesquisa em todas as Américas.

Palestra “Cultivo de camarão marinho em sistemas superintensivos” 27/05 – 11h


Antonio Fernando Leonardo

Antonio Fernando Leonardo
Ele obteve diploma em Ciências Biológicas, na FEUC – Faculdade Euclides da Cunha de São José
do Rio Pardo.
Mestre e Doutor pelo Centro de Aquicultura da UNESP de Jaboticabal.
Trabalhou 14 anos na região do Vale do Ribeira – SP como pesquisador Científico do
Departamento de Desenvolvimento e Descentralização da APTA/SAA.
Atualmente é Pesquisador Cientifico nível VI, atuando no Centro de Pesquisa do Pescado
Continental do Instituto de Pesca / SAA.
Possui em seu curriculum: 33 artigos científicos nacionais e internacionais, 4 capítulos de livro,
78 trabalhos publicados em anais de eventos científicos da área aquícola, ministrou 15 cursos
de curta duração atuando no Brasil e Exterior, ministrou ao longo destes quinze anos de
trabalho 36 palestras. É revisor de periódicos de 9 revistas cientificas da área de zootecnia,
medicina veterinária, biologia e engenharia de pesca.
Ao longo destes quinze anos de trabalho recebeu 4 prêmios acadêmicos

Palestra “Técnicas de produção, manejo e nutrição do Panga Br“ 27/05 – 14h


Jenner Tavares Bezerra de Menezes

Jenner T. Bezerra de Menezes, 50 anos, possui formação acadêmica em Engenharia de Pesca e Pós graduação em Metodologia do Ensino Superior e Energia, Sociedade e Meio Ambiente. Experiência de 27 anos na carreira profissional com atuação direta na Produção de peixes nativos amazônicos, com reprodução e produção comercial de peixes amazônicos, pesquisa e desenvolvimento de produtos e processos, atuação na construção de políticas públicas para desenvolvimento aquícola, atuando junto ao Governo e na Superintendência Federal do Ministério da Pesca e Aquicultura em Rondônia. Orientou, elaborou e executou mais de cem projetos com instalação de mais de 1.000 hectares de área produtiva no Norte do Brasil. Criou o sistema trifásico para produção continuada de peixes amazônicos que permite a produção de múltiplas safras durante o ano. Atuação internacional em países vizinhos da América do Sul. Atuou em pesquisas aquícolas desenvolvendo produtos e processos para cadeia aquícola de peixes amazônicos com destaque aos projetos de Banco de sêmen de tambaqui nativo reconhecido com Prêmio FINEP de Inovação Tecnológica/2013 e a Unidade de beneficiamento de Tambaqui Curumim. Identificou e detém hoje lote exclusivo no mundo de tambaquis sem espinhas intramusculares, atualmente em pesquisa de reprodução e produção comercial.

Palestra “Novas tecnologias e alternativas para a produção e industrialização de peixes nativos amazônicos” 27/05 – 15h


Gerlúcio Flávio de Sena Néri

Implantação do Sistema Lean Manufacturing (SIPOC, A3, KAIZEN, TPM, Trabalho Padronizado, Cadeia de Ajuda,VSM, SLG) em toda planta industrial, com o aumento de 2% de rendimento no filé de tilápia e 25% de produtividade, além de garantir o gerenciamento da rotina de trabalho da equipe.
Gestão do Planejamento e Controle de Produção, definindo o S&OP com a equipe comercial.
Gestão dos custos industriais, monitorando o planejado versus o realizado por área, analisando as margens de ganho do produto final, alcançando uma redução de 10% do custo de processamento.
Gerenciamento do processo produtivo, buscando novas tecnologias para melhoria do processo, visando aumentar o rendimento e produtividade do filé de tilápia.
Gestão de KPI´s da planta industrial como custo, margem financeira, entrada de matéria-prima, rendimento, produtividade, turnover e absenteísmo, apresentando mensalmente para toda Diretoria e equipe os resultados alcançados.
Desenvolvimento do projeto da planta industrial, definindo a estrutura arquitetônica, hidrosanitária, subestação de energia, bem como, o processo de dimensionamento e compra dos equipamentos e materiais necessários para o start up da indústria.
Participação efetiva na realização do orçamento anual de todas as áreas da indústria, planejando as despesas e metas a serem alcançadas no ano, além de monitorar a performance dos resultados.
Responsável pelo desenvolvimento de novos produtos de valor agregado como steak, kafta, quibe, produtos de exportação como filé congelado e fresco.
Gestão das equipes Administrativa, Qualidade, Manutenção, Logística, Ambiental, Segurança no Trabalho, Recursos Humanos e Fábrica de Farinha e Óleo.
Responsável pelo planejamento, dimensionamento e desenvolvimento das equipes de trabalho, gerindo o custo de pessoal e entrega de resultados.

Palestra “A Indústria de pescado de A-Z: Inovação, Processo e Desafios” 27/05 – 16h


Prof. Dr. Ulisses de Pádua Pereira

É professor Adjunto de microbiologia veterinária da Universidade Estadual de Londrina – UEL no Departamento de Medicina Veterinária Preventiva. É líder do grupo de pesquisa bacteriologia animal. É docente permanente (orienta mestrandos e doutorandos) do programa de pós-graduação em Ciência Animal (conceito CAPES 6). Possui graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Lavras (2007). Mestre e Doutor em Ciências Veterinárias pela mesma instituição (2008 e 2013 respectivamente). Área de atuação em Medicina Veterinária Preventiva, com ênfase em Doenças de animais domésticos, atuando principalmente nas seguintes áreas: diagnóstico (microbiológico e molecular), patogênese, diversidade genética e genômica de bactérias patogênicas. Possui experiência em diagnóstico das principais doenças de peixes e bioinformática (principalmente em montagem de genomas, genômica comparativa e predição in silico de alvos vacinais). É revisor científico das revistas Scientific Reports, Fish and Shellfish immunology, Journal of Dairy Research, Semina Ciência Animal, American Journal of Medical and Biological Research, American Journal of Microbiological Research, American Journal of Epidemiology and Infectious Disease, Journal of Aquatic Science, Electronic Journal of Biology-eJBio, Annals of Aquaculture and Research, Journal of Veterinary Immunology and Imunopathology e Revista de Ciência Veterinária e Saúde Pública. Avaliador ad hoc da órgão de fomento do Fundo para a Investigação C e T (FONCYT), Agencia Nacional de Promoção Científica e Tecnológica (ANPCYT) da República Argentina (área de Tecnologia Pecuária e Pesqueira). É editor da seção de doenças infecciosas da Semina Ciências Agrárias.

Palestra “Franciselose: estratégias de prevenção e controle da larvicultura a engorda” 28/05 – 14h


Albert GJ Tacon Ph.D

O Dr. Albert GJ Tacon é Diretor Técnico da Aquatic Farms Ltd, no Havaí, e trabalha como consultor internacional de aquicultura, especializado em alimentos e nutrição aquáticos. Após obter seu doutorado em nutrição de peixes na University College (Universidade de Gales, Reino Unido – 1978), passou oito anos no Reino Unido como professor universitário e pesquisador em nutrição aplicada de peixes na Universidade de Aston, em Birmingham, e no Institute of Aquaculture in Stirling.
Ele tem 40 anos de experiência profissional em pesquisa e desenvolvimento em aquicultura, com foco especial em alimentos e nutrição aquáticos, e aumentando a contribuição da aquicultura para a segurança alimentar global e o alívio da pobreza, incluindo 14 anos de experiência interna na área de Alimentos e Agricultura. Organização das Nações Unidas (FAO) que trabalha em projetos nacionais, regionais e inter-regionais de desenvolvimento da aquicultura e no Programa Regular da FAO em Roma, Itália;
44 experiências de trabalho no país com a FAO e outras agências em atividades relacionadas à aquicultura e nutrição da aquicultura, incluindo: África – Egito, Quênia, Madagascar, Malawi, Nigéria, Tunísia; Américas – Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Cuba, Equador, México, Nicarágua, Panamá, Peru, EUA, Venezuela; Ásia / Oceania – Samoa Americana, China, Fiji, Índia, Indonésia, Irã, Arábia Saudita, Malásia, Nepal, Nova Caledônia, Papua Nova Guiné, Filipinas, Tailândia, Vietnã; Europa – Bélgica, Chipre, Hungria, Irlanda, Itália, Noruega, Portugal, Espanha, Suécia, Reino Unido, Iugoslávia; e
228 publicações relacionadas à aquicultura e uma patente sobre tecnologia de aquicultura, incluindo publicações de pesquisa científica, publicações de revisão, documentos técnicos e documentos de campo da FAO, livros, capítulos de livros e artigos de revistas, com foco em rações e alimentação aquáticas, tendências de desenvolvimento da aquicultura, valor nutricional produtos alimentares aquáticos e aspectos da aquicultura relacionados à segurança alimentar e à redução da pobreza.


Palestra “Pescado para a Saúde – melhora da qualidade nutricional do pescado cultivado para consumo humano”
28/05 – 15h


Francisco das Chadas de Medeiros

Docência na Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária da Universidade Federal de Mato Grosso • Consultor Sebrae • Consultor FAO (Food and Agriculture Organization) • Consultor IICA (Instituto Interamericano de Cooperação para Agricultura) • Consultor Eletronorte • Consultor Técnico IMEA (Instituto Matogrossense de Economia Aplicada) • Diretor Presidente da PEIXEBR (Associação Brasileira da Piscicultura) • Sócio proprietário AQUAWIRE.

FIESP • Diretor da Divisão da Cadeia Produtiva da Pesca e Aquicultura do DEAGRO Desde 2017
PEIXE BR • Diretor Presidente Desde 2015 AQUAWIRE • Proprietário Desde 2017 UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO • Docente 14/08/94 a 21/05/01


“PAINEL – AQUICULTURA FAMILIAR: Fonte de renda complementar”
28/05 – 9h às 11h


CARLOS MARIO RAMÍREZ ARISTIZÁBAL

Professional skills in management of manufacturing, aquaculture, food, agro-industrial and mining with direct control of the areas of operations (Production/Production Planning/Logistics/Maintenance/operating budgets) and areas of continuous improvement related to integrated management systems, environmental areas and indicators of social management. Excellent interpersonal, adaptability, ethics and orientation towards achieving goals and critical success indicators set by high direction.
Experience in the management and control of operational, environmental, social impact programs and adaptation of international standards areas, make me a professional capable of generating value, integrating and focusing on the strategic vision of initiatives business “Corporate Sustainability” .

Habilidades profissionais em gestão de manufatura, aquicultura, alimentos, agroindústria e mineração com controle direto das áreas de operações (Planejamento de Produção / Produção / Logística / Manutenção / orçamentos operacionais) e áreas de melhoria contínua relacionadas a sistemas de gestão integrados, áreas ambientais e indicadores de gestão social. Excelente relacionamento interpessoal, adaptabilidade, ética e orientação para atingir metas e indicadores críticos de sucesso estabelecidos por alta direção.
Experiência na gestão e controle de programas operacionais, ambientais, de impacto social e adaptação de áreas de padrões internacionais, fazem de mim um profissional capaz de gerar valor, integrando e focando na visão estratégica das iniciativas de negócios “Sustentabilidade Corporativa”.

Palestra “BAP: O futuro da aquicultura sustentável” 28/05 – 19h